Rapport: o que é e como usar na venda de imóveis?

O que é rapport? Essa é a pergunta mais feita por aqueles que realizam a venda de imóveis e desejam auxílio no relacionamento com o cliente.

Cabe enfatizar que a palavra rapport é francesa e significa “relatar ou trazer de volta”, visando sincronizar os interesses por meio da comunicação harmônica, como forma de criar uma relação.

Buscando harmonia, o corretor pode empregar essa ferramenta de persuasão na venda de imóveis. Acompanhe nosso post e veja 5 dicas e técnicas que podem ser aplicadas no mercado imobiliário!

Use o espelhamento

Muito utilizado nas vendas, o espelhamento acontece quando o corretor reflete os comportamentos dos clientes. Nesse caso, o profissional vai replicar os movimentos corporais, expressão facial, postura, gestos e tom de voz, conduzindo a conversa com o consumidor.

Entretanto, não é necessário que o corretor imite o cliente por completo. Siga o bom senso. Além disso, essa técnica objetiva gerar empatia entre os interlocutores, pois os negociantes se percebem como semelhantes.

Para que a comunicação seja adequada, é preciso acompanhar o diálogo a ponto dos papéis se inverterem, e o cliente passar a se espelhar no corretor, aceitando suas soluções e ideias.

Tenha uma postura correta

Sabemos que o ser humano julga os esteriótipos e escolhe seus corretores pelo o que vê em sua postura. Portanto, o profissional imobiliário deve se atentar à linguagem corporal, estado emocional, fala, vestuário, etc.

Ter uma boa postura é fundamental! Isso porque a imagem correta, de pessoa decidida e confiante, ajuda na conquista de clientes e expansão dos negócios imobiliários.

Ajuste o tom de voz

Assim como a postura, o tom de voz também é um fator essencial nas vendas de imóveis. Durante a negociação imobiliária, o corretor deve seguir o espelhamento. Caso o cliente fale baixo, não faz sentido o corretor elevar o volume de voz, isso pode afastá-lo.

O tom de voz precisa ser natural. Para isso, pratique o diálogo com o cliente, fazendo ensaios, a fim de saber qual o seu nível de empolgação e para adquirir confiança. Ademais, é recomendado falar em pé para o sangue oxigenar melhor e você conseguir ouvir bem o outro.

Demonstre empatia

Ao demonstrar empatia, o corretor cria definitivamente uma relação com seu cliente, pois essa qualidade faz com que surja uma amizade entre o profissional e o consumidor. Logo, coloque-se no lugar do seu próximo.

Seja simpático e tente entender os problemas, tarefas e obrigações. Aja da mesma forma como gostaria que agissem com você, para garantir que seu cliente saia satisfeito.

Ofereça um quick win

O corretor de imóveis que deseja ter autoridade deve saber se posicionar desde o início do contato com o cliente.

Já no começo, o profissional pode oferecer um quick win, que ocorre quando é disponibilizada uma dica rápida na primeira ligação. Dessa forma, o cliente consegue enxergá-lo como alguém que quer ajudar e vai insistir para continuar a conversa.

Diante disso, entender o que é rapport é primordial para que corretores e clientes construam um clima de confiança e reciprocidade para fechar vendas. Portanto, essa técnica deve ajudar que tal profissional mostre interesse genuíno no relacionamento com os consumidores, em especial em suas necessidades e desejos.

Gostou deste post? Então continue conosco e leia sobre as 8 estratégias para vender imóveis na crise!

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Share via
Copy link
Powered by Social Snap