Compra do primeiro imóvel: 4 dicas indispensáveis para se preparar

A compra do primeiro imóvel é um sonho a ser realizado com muita determinação e planejamento. Assim, além de uma conquista incrível para você e sua família, você poderá ter tranquilidade financeira enquanto aproveita a vida na casa nova.

O momento da aquisição é muito especial e deve ser precedido de alguns cuidados para evitar dores de cabeça no futuro. Neste artigo, vamos mostrar a você quais são os principais pontos que devem ser observados para alcançar esse objetivo. Confira!

1. Escolha o imóvel ideal

Há inúmeras formas de fazer a escolha do seu imóvel e, com o avanço da tecnologia, a internet tornou-se uma grande aliada dos compradores e dos vendedores. Faça uma ampla pesquisa, levando em consideração todas as características que vão beneficiar você e sua família:

  • pense na quantidade de cômodos e na área de lazer, de acordo com o planejamento familiar;
  • analise a localização mais adequada (não se esqueça de checar a segurança do bairro, infraestrutura de comércio e serviços, questões de mobilidade, valorização etc.);
  • avalie se vale mais a pena comprar imóvel pronto ou na planta;
  • compare as opções de lazer oferecidas pelo condomínio.

2. Verifique o estado de conservação do imóvel

Se optar por um imóvel pronto, faça visitas em diversos momentos do dia para checar a luminosidade, a incidência de sol e as condições de ventilação e se há muito barulho na vizinhança. Não se esqueça de verificar se há vazamentos e infiltrações nas paredes e revestimentos. Outro ponto a ser observado é a fiação elétrica: se for muito antiga, deverá ser trocada, assim como o encanamento.

Já se a sua opção for um imóvel na planta, obtenha todas as informações sobre a construtora e faça uma pesquisa sobre o histórico de entregas: se não houve atrasos, se a obra foi entregue nas condições previstas em contrato etc.

3. Confira a documentação do imóvel

Se você fizer a compra em uma imobiliária ou construtora de confiança, já é meio caminho andado para que a documentação do imóvel esteja em dia. Mas não custa verificar, em todos os casos, documentos importantes para que a transação não gere problemas futuros:

  • título de propriedade e registro da matrícula atualizados;
  • certidão negativa de ônus reais e de IPTU;
  • registro de alienações e de ações reipersecutórias, que garante que o imóvel não tenha sido vendido informalmente.

4. Não se esqueça dos gastos extras

Principalmente nos casos em que o imóvel for financiado, é preciso considerar que o valor dele não é o único custo da operação. Você terá uma série de gastos para reunir a documentação e autenticá-la em cartório, por exemplo — valores que costumam pesar no bolso do comprador.

Lembre-se, ainda, dos seguintes pagamentos que deverão ser feitos na compra do primeiro imóvel e inclua-os em seu planejamento financeiro:

  • Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), cobrado de acordo com o município;
  • elaboração da escritura para formalização do negócio;
  • registro da matrícula em Cartório para consolidação da troca de propriedade (sem ele, o negócio pode ser colocado em risco).

Seguindo essas dicas, a compra do primeiro imóvel certamente será um momento de grande satisfação pessoal. Não deixe de avaliar todos os pontos levantados e escolha a melhor forma de pagamento de acordo com as suas condições financeiras.

Está planejando comprar seu primeiro imóvel e não quer perder nenhuma dica sobre esse assunto? Então, siga a nossa página no Facebook!

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Share via
Copy link
Powered by Social Snap